terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Pavlova para a despedida do ano 2013

Despeço-me de 2013 com esta maravilha para os olhos e para o paladar, uma Pavlova

Um doce misterioso e cheio de segredos, dizem os Australianos que é seu, mas os Novazelandezes, não querem deixar para os vizinhos a autoria e chamam-na de sua, na origem do nome todos concordaram e foi em homenagem a uma bailarina russa Anna Pavlova que visitou aqueles países em digressão.
É para aquelas bandas da oceania muito popular e normalmente servido por alturas do natal.

Por cá não é um doce muito popular, mas há já algum tempo que andava com vontade de fazer, só não tinha ainda surgido a oportunidade e foi para estas festas que saiu.

Tinha algum receio por causa do suspiro e não posso dizer que ficou maravilhoso alto e fofo, mas também com 4 claras não podia esperar um doce gigantesco, mas ficou douradinho e crocante por fora e macio por dentro como mandam as regras. Os frutos vermelhos são a combinação perfeita.

Para o suspiro
4 claras
230 gr de açúcar em pó.
1 colher de café de açúcar baunilhado
1 colher de sobremesa de sumo de limão
1 colher de sobremesa de maisena

Para a cobertura
1 pacote de natas frescas
2 colheres de sopa de açúcar
frutas a gosto

Bater as claras em castelo firme e quando estiver juntar o açúcar em pó e bater mais um pouco para envolver.
Juntar o fim o sumo de limão e a maisena e envolver bem sem bater.

verter a massa para um tabuleiro forrado com papel vegetal untado e levar ao forno a 150º durante 15 min, depois baixar para os 130º e deixar mais 45 min, no meu forno ficou branquinha, tive que ligar o gril uns minutitos para dourar um pouco.
Deixar arrefecer dentro do forno.

Retirar depois de bem fria e na hora de servir cobrir com natas batidas em chantily com pouquinho açúcar. 
Cobrir com frutas a gosto e está pronto.


Tanta curiosidade e vontade de fazer este doce e o desejo ficou cumprido e satisfeito, experimentei e para mim está experimentado, não será doce a repetir, é demasiado doce para os gostos cá de casa.

Com esta receitinha linda desejo a todas as minhas amigas e amigos, seguidores e simples visitantes um ano novo com tudo que mais desejarem, que seja um ano bom com muita saúde e alegria principalmente.

FELIZ 2014

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Bolo de canela

Ultimamente cá em casa o tempo voa, passo as minhas tardes a estudar e fazer trabalhos de casa, a mudança da primária para o 5º ano é uma mudança muito violenta, principalmente quando essa mudança ainda inclui a passagem de uma escolinha muito pequena com poucos alunos para um colégio muito grande... muitos colegas novos, muitos professores, muitas disciplinas, muito material e roupa para tomar conta.....
Por isso o tempo para cozinhados é muito pouco, aproveito a empregada para fazer comida para alguns dias e aproveito o fim de semana para fazer também eu algumas coisas para poder facilitar as coisas durante a semana, carnes estufadas, ou assadas, em que só precisa fazer acompanhamento ou pratos tipo lasanhas e bacalhaus em que só precisa aquecer e assim se passam as semanas  a correr

Este bolo saiu de uma dessas sessões de cozinhados de fim de semana. Um bolinho excelente, fácil, rápido e com estas quantidades fica um bolão enorme, muito bom para os lanchinhos de semana, fica super-fofinho e muito bom de sabor.

5 ovos
2 chávenas de açúcar
3 chávenas de farinha
1 chávena de óleo meti só meia chávena
1 chávena de leite
1 colher de café de fermento
3 a 4 colheres de café de canela

Bater tudo junto e já está.... era o que dizia a receita.
Eu achei uma grande misturada e fiz como manda a tradição e bati primeiro ovos com açúcar, depois juntei os líquidos alternados com os sólidos todos envolvidos, como costumo fazer para os outros bolos, só não separei gemas de claras.

Transferir para uma forma untada e polvilhada com farinha.

Foi a cozer em forno pré-aquecido a 200º durante 40 minutos, ficou um bocadinho queimado, porque não estava na posição certa do forno, como resolvi cozer um monte de coisas ao mesmo tempo e não cabia tudo, encavalitei os tabuleiros e formas uns em cima de outros....

domingo, 8 de dezembro de 2013

Bolo especial de limão

Este bolo retirei de um pacote de farinha da marca rainha, que comprei de propósito para fazer uns quadradinhos de coco que já tenho por aqui e achei original a receita, por juntar o limão, fresco, com os frutos secos, associados a bolos mais quentes e de inverno.

150 gr de farinha rainha
4 ovos
175 gr de açúcar
75 gr de manteiga
raspa de um limão
sumo de meio limão
1 chávena de passas, nozes e pinhões misturadas.(eu meti só algumas nozes)

Bater muito bem as gemas com o açúcar.

Juntar a raspa de limão, o sumo, a manteiga derretida e a farinha peneirada e envolver tudo muito bem.

Por ultimo envolver as claras em castelo e incorporar os frutos, mexendo levemente a massa, eu meti só algumas nozes, porque não tinha em casa os outros.

Forrar uma forma com papel vegetal untado de manteiga e colocar dentro a massa, eu não forrei com o papel, untei a forma e polvilhei com farinha e saiu muito bem.

Levar a cozer em forno pré-aquecido 200º durante 40 a 50 minutos o meu cozeu nos 40 min.