quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Gelado de doce de leite

Quem nunca comeu gelado de doce de leite numa gelataria? é o meu favorito.
Quando como gelados em gelatarias normalmente nunca tenho muitas dúvidas, ou um fresco de fruta ou se tiver este sabor é sempre o escolhido, gosto muito.

Há pouco tempo vi uma receita por aí que achei interessante pela facilidade e como gosto muito resolvi testar. Claro que não é aquele doce de leite caseiro em que o leite fica um dia a ferver com o açúcar á moda brasileira, mas esta alternativa pareceu-me muito bem.
Fácil rápido e delicioso.


1 lata de leite condensado cozido
2 pacotes de natas
2 claras em castelo

O leite condensado pode ser cozido ou pode-se cozer em casa, na panela de pressão, eu pela facilidade compro já cozido, da marca mais conhecida que é o mais durinho e escuro.

Bater bem as natas em chantilly, e juntar o leite condensado cozido e bater bem até desfazer e homogeneizar bem, em seguida envolver as claras em castelo.
Quem não tiver máquina de fazer gelados que é o meu caso, levar ao congelador e depois de uma hora bater bem, para desfazer possíveis cristais e voltar a meter no congelador e se necessário voltar a bater até estar no ponto desejado.

Pode-se juntar bolachas cookies ou pepitas de chocolate que fica bem, mas para mim doce de leite é mesmo só o creme.

Muito bom :-)

domingo, 27 de setembro de 2015

México o paraíso dos Maias

Morre lentamente quem não viaja,
Quem não lê,
Quem não ouve musica,
Quem não acha graça a si mesmo,
Pablo Neruda

Viajar é umas das melhores coisa do mundo, é das poucas coisas em que nós gastamos dinheiro e ainda assim nos deixa mais ricos.

Este ano o destino escolhido para viagem foi o México,era um destino há muito tempo pensado.
Por causa do meu filho, optámos por fazer uma viagem diferente, em vez de conhecer o México mais profundo e outras regiões, ficámos só pela região do Yucatán - riviera maya, conhecendo menos da cultura mexicana, mas aproveitando mais outras coisas.

As praias maravilhosas do caribe, nós já tínhamos estado por lá outras vezes, mas o pequeno não e estava com vontade de ver a reacção dele á água quentinha, os hotéis com montes de piscinas que ele adora e outras actividades sempre á disposição.

O hotel escolhido foi um da cadeia Baía Príncipe, uma cadeia com muito boas referencias nos sites da especialidade e quando se vai para ficar muito tempo no hotel, convém que seja bom e este não desiludiu.

Os quartos excelentes, a comida variada e de excelente qualidade, restaurantes temáticos muito bons e o staff excelente, pessoas simples e de uma simpatia comovente, o "..con mucho gusto..." depois de nós agradecermos é único.

Jardins impecávelmente tratados

Montes de áreas de repouso pena não haver tempo para isso :)



Uma das duzias de piscinas presentes no complexo
Já sou um pré adolescente, mas adoro uma brincadeirinha :)

O religioso bem ao lado do profano no centro comercial existente dentro do complexo


De dia ou de noite há sempre onde comprar uma quinquilhariazinha :)

A sobremesa preferida do meu gulosinho que todos os dias escolhia um cestinho diferente e num pratinho dos scouts (clube de crianças existente no complexo mas scouts =escuteiros - ele escuteiro:)
Ah um pormenor a restante louça do complexo é da Vista Alegre :)


Meios de transporte entre o lobby dos hoteis-praia-centro comercial-.... sempre a girar


Tirar fotografia? aqui?! ou ali? :)


A praia  deste hotel não se pode dizer que é fantástica, mas a água transparente e quentinha como só nas caraíbas e sítios tropicais podemos encontrar compensa tudo, por muito quente que se imagine esta água nunca conseguimos imaginar bem, só mergulhando lá :)
Areia branquinha e tão fininha que parece farinha :)

Snorkel lá vamos nós

Ou será melhor ficar já aqui?


Ou aqui?



Ou aqui?



Tanta escolha mas o melhor é mergulhar :)



Quem não gosta de areia também pode ficar na relva, porque a água espreita já ali


Passeios não podiam faltar

Uma igreja algures no meio do estado do Yukatán, onde se situam as ruínas que visitámos


Folklore Maia algures no yukatán, para alegrar o almoço dos turistas em transito nas excursões



As ruinas de Ek Balam não são as mais conhecidas, porque há pouco tempo foram postas a visitas ao publico, mas são únicas pelas esculturas que tem em excelente estado de conservação.

A porta de entrada no templo


Quem se habilita a subir?....


A vista lá de cima é vertiginosa :)


E descer.... o fim do mundo :)




Os cenotes, rios subterrâneos com uma cor de água quase impossível de imaginar aquela profundidade e o fresquinho da água delicioso, para quem vem de passeios sob um sol abrasador de 40º e uma humidade de 95º




A cereja no topo do bolo a grande pirâmide de Chichen Itza para quem gosta de história ou para quem não aprecia muito, é um sitio mágico, onde nos sentimos em paz ainda que as multidões sejam enormes, ver aquelas construções gigantescas e imaginar o quão sábios foram os povos que as construíram vale muito a pena.


E estes guardiões dos templos, aparecem em todo lado e não é só nos templos, também guardam as cadeiras nas piscinas para quem chega tarde há sempre uma cadeira livre :)


E a simpatia de que falei um sorriso sempre nos lábios um povo lindo estes Maias que de pequenino só têm o tamanho, a altura média é a do meu filho mas o coração é grande.

A grande amiga do meu Mi que no fim até lhe deu um presente para que ele não se esquecesse dela :)


Fotografias foram quase 2000, mas escolher estas foi difícil e demorado, espero que tenha conseguido mostrar um pouco desse país maravilhoso, onde o único senão é a distancia :)

Para reservar penso que não conseguiremos encontrar preços melhores do que os famosos pacotes de agência, mas quem quiser fazer por conta própria poderá reservar este hotel no Booking 

domingo, 13 de setembro de 2015

Pizza de massa alta e fofa

Esta receita de massa para pizza já teve duas experiências cá em casa, dizia na fonte que fica como a da pizza hut, as minhas nunca ficaram...
Desta vez ficou mais alta e fofa, mas ainda não ficou como a tal e eu já sei qual é a diferença, a da pizzaria vem super-engordurada e molhada, esta fica mais sequinha, muito boa.

Para a massa
200gr de água 
2 colheres de sopa de azeite
3 colheres de sopa de leite em pó
1 colher de açúcar
20 gr de fermento de padeiro
1 colher de chá de sal
400gr de farinha (usei sem fermento porque não referia isso)

Molho e recheio
Polpa de tomate com alho e cebola, de marca comercial.
Fiambre 
Chourição
Cogumelos
Queijo ralado(mistura de 4 queijos)
Cebola
Oregãos
Azeite

Para a massa meter no copo da máquina todos os ingredientes indicados,excepto a farinha e o sal.
Programar 1 min. vel 3 temp.37
Juntar então os dois em falta e programar 2 min na função amassar sem temperatura.

Retirar a massa, esticar com o rolo em cima de papel vegetal e transferir para um tabuleiro grande e acabar de esticar com as mãos até ocupar o tabuleiro todo, deixar 30 min. a descansar tapado com um pano, para levedar.

Cobrir com a polpa de tomate e os ingredientes a gosto, polvilhar no fim com os queijos ralados e com bastantes oregãos, eu meti só numa parte porque o mais pequeno implica com as folhinhas, e por cima de todos os ingredientes de todas as pizzas que faço cá em casa, meto um fio de azeite em toda a pizza.

Vai ao forno até a massa estar cozida e ficar douradinha por cima.

domingo, 6 de setembro de 2015

Centros/lombos de pescada no forno com maionese e pão ralado.

Este tipo de peixe não é muito habitual cá em casa, são embalagens pequenas e os pedaços da pescada depois de descongelar ficam muito pequenos, logo para 3 uma embalagem não é suficiente, pelo que ficam refeições um pouco caras.

E como cá em casa todos gostamos de peixe a serio e mesmo o mais pequeno come-o muito bem, compro fresco no supermercado ao nosso gosto principalmente para grelhar ou cozer que é como gostamos mais cá em casa e para isso estes centrinhos e barrinhas não são muito adequados.

Mas de vez em quando compro para ter no congelador para uma emergência são fáceis e práticos para cozinhar.

2 embalagens de centros de pescada congelados
Cebola
Alho
Maionese
Pão ralado
Sumo de limão
Azeite

Descongelar o peixe e temperar com um pouco de sal, alho em pó e sumo de limão, e deixar nesta marinada durante 30 min..

Por o peixe num tabuleiro de ir ao forno em cima de uma cama boa de cebola, alho picado e azeite.
Cobrir o peixe com uma boa camada de maionese e polvilhar generosamente com pão ralado.

Levar ao forno durante mais ou menos 30 min e deixar dourar um pouco o pão ralado.

O acompanhamento é a gosto, batata assada, frita ou no nosso caso foi mesmo com arroz de cenoura e salada.

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Batidos com aveia e canela para a psoríase

Cá em casa continuamos na saga dos batidos com aveia e está comprovado que faz bem, o marido que até é muito esquisito a experimentar coisas, está fã.

Fã dos batidos propriamente ditos e fã porque a psoríase dele tem melhorado bastante. Ainda que há algumas manchas mais rebeldes, há zonas onde deixou de por corticoide e está francamente melhor.

Já pesquisei sobre o assunto para ver se tem algum fundamento e encontrei um artigo bem simples onde mostra o quanto a aveia é importante e onde ela pode ter benefícios e a pele é uma das coisas referidas.

Os batidos vamos fazendo com a fruta da época e aproveitando bastante fruta que já está madura demais e que por vezes acabava no lixo, porque já ninguem queria aquela peça madura demais e mole.

A base é sempre a mesma, o que muda é mesmo a fruta da época, a que tiver em casa na fruteira.

Para 2 copos de 200ml de batido bem espesso meter no copo liquidificador, ou noutro robot de cozinha, o efeito é o mesmo.

1 Banana madura quase sempre porque fica mais docinho
1 peça de fruta a gosto 1(pessego, grande/2 ou 3 ameixas/1 pera grande....)
2 colhers de sopa bem cheias de aveia moída (1por cada copo)
Leite/iogurte liquido q.b é ao gosto de cada um, nós fazemos mais com leite

O Pêssego e Ameixa têm sido os reis ultimamente.
Ameixa vermelha

Pêssego

Ameixa amarela

Depois do batido feito já no copo pomos uma boa pitada de canela por cima fica sempre bem e segundo consta a canela também faz bem.... a muitas coisas concerteza :-)

Um copo de 200ml que é quase uma papa e que dá para a manhã toda sem fome, estamos fãs, um dos benefícios apontados para a aveia é que dá grande saciedade, logo bom para dietas :-)