segunda-feira, 21 de maio de 2018

Pão de alfarroba, sem amassar

Este pão é mais uma versão do famoso pão sem amassar, simples de fazer e fica excelente.

À farinha normal, juntei um pouco de alfarroba que lhe confere esta cor e um sabor um pouco diferente e muito bom.

Fiz vários pães mais pequenos para congelar, mas a verdade é que quase não congelava nada, voaram.


1kg de farinha tipo 65 sem fermento
2 colheres de sopa de farinha de alfarroba
700 ml de água
1 colher de sopa de fermento biológico seco
1 colher de sopa de sal (eu corto bastante)


Primeiro misturar bem a farinha com a alfarroba com uma colher e depois peneirar uma ou duas vezes para ficar bem uniforme, ou o pão fica ás riscas :)

Numa taça grande colocar o fermento, o sal e a água e mexer bem para dissolver.
No inverno eu aqueço um pouco a água, mas é só mesmo tirar do frio, esta quantidade aqueço menos de um minuto no microondas.

Juntar a farinha e mexer com uma colher de pau desde o centro, até toda a farinha das bordas ser incorporada, até não haver farinha seca à vista.

Tapar com um pano branco e embrulhar numa mantinha polar e deixar até quase triplicar de volume, ainda demora no mínimo 2 horas, eu ponho de manhã e cozo o pão de tarde.

Pode-se usar logo a massa ou guardar no frigorífico e usar mais tarde, aguenta vários dias.

Quando for para ser usada, polvilhar a superfície com farinha e retirar a quantidade de massa que desejar, cortando com uma tesoura ou faca de serra, colocar sem mexer muito em cima de uma superfície enfarinhada e deixar descansar/levedar mais 40 min.


Levar ao forno pré-aquecido em cima de uma terracota ou num tabuleiro normal se não tiver a terracota, sempre polvilhado com farinha de milho ou outra.

O forno deve estar pré aquecido a 230º, mas quando se mete o pão baixa-se um para 180-200º para não dourar tão rápido.
Dentro do forno deve-se meter um tabuleiro ou outro recipiente com água para conferir humidade ao pão e ele ficar com uma crostinha dourada, em alternativa pode-se cozer em recipiente de barro com tampa.


Por vezes perguntam-me que fermento uso, tem que ser fermento próprio para pão, ou o fermento fresco em cubos, ou este seco que é muito mais prático e muito bom, este é o que tenho usado agora, ainda que a fotografia seja de outro pão usei o mesmo.



Esta quantidade de massa deu quatro pães, com peso aproximado de 350gr cada um, uns maiores que outros, mas em média é isso.

1 comentário:

  1. Adoro o sabor da alfarroba, ficou um pão tão lindo.
    Seria bem vindo para o lanche.

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)