sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Algarve lá vou eu :-)

Vou dar férias aqui ao meu espaço, para ir a banhos até ao reino dos algarves, pela primeira vez na vida no mês de agosto.


Provávelmente não irei encontrar a prainha assim!!


E o tempo de estar assim de papo para o ar a contemplar o mar, provávelmente também já lá vai!!


as gaivotas


e os barquinhos que passam também
agora vou talvez apanhar conchinhas
e fazer castelos na areia :-)

Até ao meu regresso :-)

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Polpa de tomate

Este ano resolvi inventar na conserva de tomates, normalmente congelo os da quinta e os que me costumam dar os vizinhos de lá, o que me ocupa um espaço enorme na arca congeladora.

Para optimizar esse espaço, em vez de congelar, fiz uma polpa de tomate, vamos lá ver se a conserva resulta ou se tenho que enviar tudo para o lixo :-)


Fiz um refogado com

Uma cebola bem grandona
Uma cabeça de alhos inteira (pequena)
2 kg de tomate pelado, com sementes e sumo
Duas colheres de sopa de oregãos
Uma colher de sopa de sal

Deixei cozinhar até o tomate começar a desfazer


Depois meti a varinha e triturei tudo, ficou uma polpa de sabor delicioso.


Acondicionei em frascos próprios para esterilizar e levei a ferver tapados com água durante mais ou menos 15 minutos.


O resultado só dentro de algum tempo veremos, se resultar é uma boa opção.

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

És mesmo tu? - Academia dos livros

Uma das peripécias da minha viagem ao brasil, foi ter entrado num avião avariado e em consequência ter perdido a ligação em Madrid, o que teria sido um suplicio de 30 e muitas horas em transito e uma aventura desgastante para inicio de viagem, se não tivesse encontrado um grupinho no aeroporto de sofredores da mesma causa, mas mesmo assim animados para a longa viagem que nos esperava.


Deste grupinho resultaram alguns amigos de viagem e uma destas amigas, uma menina muito especial, logo que soube do meu menino fez questão de lhe enviar um presentinho.


O presente foi este livrinho muito engraçado que o menino adorou, dos vários que já tem na estante do quartinho nenhum lhe despertou um interresse especial, para além de ouvir a histórinha ao deitar.






Este vai buscá-lo de vez em quando e fica a admirar cada página e de cada página ele inventa uma história e comenta todos os pormenores do desenho.


Resolvi publicar aqui para a academia-dos-livros, porque desde que a Ameixinha me fez sócia ainda não participei com nada, não porque não tenha lido nada, mas porque o que tenho lido não achei que tivesse interesse suficiente para a academia.

Este livrinho sai um bocadinho do ambito da academia, mas penso que a literatura infantil tem também muito interesse e este principalmente pela originalidade do livro, da história e da ilustração, uma belissima sugestão para fugir histórias mais tradicionais.

A história é muito divertida e para abrir o apetite....



"Uma bota que desapareceu

misteriosamente deixa

dois amigos á conversa.

Uma conversa labirintica

que nos deixa quase tontos!

Mas as conversas entre

amigos são mesmo assim....

Cheias de curvas, contracurvas

e referencias estranhas

(que mais ninguem entende!),

as conversas entre amigos

guardam sempre segredos

e muita cumplicidade."



" Olha, olha...

Aquela ali não é a Inês?

A Inês...qual Inês?

A Inês pequenina, do risco ao meio.

A Inês que perdeu a bota no recreio!

A Inês distraida, irmã do Zé.

Do Zé...qual Zé?


O Zé grandalhao,

que comeu a lagartixa

apensar que era salsicha.

E que foi procurar a bota

ao telhado com o Tó......"



Quem quiser saber mais é só procurar nos livrinhos do Planeta-tangerina do qual a minha amiga Yara faz parte



A autora do livrinho é Isabel Minhós Martins e as ilustrações são de Bernardo Carvalho.



Gostei muito do livrinho e o menino também, obrigado Yarinha.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Bolo de Iogurte

Este deve ser o bolo mais fácil de fazer e que toda a gente gosta, cá em casa nunca foi muito habitual, porque em tempos fiz tantas vezes que me enjoei, agora fiz para o meu menino, por ser um bolo fácil para ele me ajudar.

4 Ovos
1 Iogurte natural ou de aroma, eu usei de morango.
2 Copos de açúcar
2 Copos de farinha
1 Copo de óleo (junto só meio)
1 Colher de chá de fermento (não juntei, porque uso farinha com)

Bater em primeiro lugar as claras em castelo.


Depois bater as gemas com açúcar e juntar o Iogurte, o óleo e por ultimo envolver a farinha e as claras em castelo.

sábado, 15 de agosto de 2009

Tarte de ameixa e amendoa

Andava eu á procura de uma receita de tarte de ameixas, para gastar a produção da quinta que foi grande e amadureceram todas ao mesmo tempo, logo tenho que inventar para não haver desperdicio e não encontrava nada ao meu gosto, lembrei-me de ir cuscar no blog da Claudia , que tem uns docinhos deliciosos de babar e sabia que encontrava lá alguma coisa ao meu gosto.

As ameixinhas lá da quinta, docinhas docinhas :-)

Pois é, encontrei esta tarte que ela fez com mirtilhos, eu pensei se tem tão bom aspecto com os ditos porque não experimentar com as ameixinhas.

Ficou um verdadeiro manjar dos deuses, uma massa e recheio tão suaves que parece de veludo, o sabor da amendoa fica sublime e a combinação com as ameixas também resultou muito bem.


Passo a receita dela na integra para não falhar nada, faço apenas algumas correcções a termos usados em português cá de portugal :-) e as minhas alterações, que não sei se influenciaram o resultado final.


Massa:
200 gramas de farinha de trigo
120 gramas de manteiga gelada
100 gramas de açúcar em pó (eu usei normal)
50 gramas farinha de amendoas
2 gemas
Algumas colheradas de água fria se necessário (não usei)


Preparação:

Num processador misture o açúcar de confeiteiro com as amendoas e processe até formar uma farinha fina. Eu misturei mesmo á mão, não ficou uma mistura tão fina.

Transfira para uma superfície limpa e seca.

Adicione a farinha, misture e forme um círculo.

Adicione a manteiga e misture usando as pontas dos dedos.

Adicione as gemas e continue misturando até formar uma massa tipo farofa grossa, eu enganei-me e juntei logo as gemas ao mesmo tempo da manteiga!!

Se a massa estiver seca, dependendo das condições do ambiente, da farinha e da manteiga, adicione colheradas de água gelada até dar o ponto e formar uma massa homogênea mas nada grudenta, eu não usei água, porque me pareceu que a massa estava já suficientemente humida e não precisava.


Forme uma bola, enrole em pelicula aderente e leve a massa ao frigorifico por uma hora, a minha esteve menos tempo.

Retire do frigorifico e forre uma forma de tarte com a massa e leve novamente ao frio, enquanto prepara o recheio, eu não consegui estender com o rolo , porque a massa quebrava, tive que estender com as mãos directamente na forma.

Recheio:
500 gramas de mirtilos ou outra fruta que você preferir usei 400 gr de ameixas
3 ovos
100 gramas de açúcar
120 gramas de farinha de amendoas
Açúcar em pó para decorar, a pressa para provar era tanta que me esqueci

Preparação:
Lave levemente as frutas, deixe-as secar e reserve.
Separe gemas e claras.

Numa taça de vidro bata as gemas com 50 gramas de açúcar até esbranquiçar.

Adicione a farinha de amendoas às gemas e bata um pouco mais para incorporar.

Bata as claras e quando começar a formar uma espuma adicione as 50 gramas de açúcar restantes.

Misture delicadamente, usando uma colher de pau ou espátula, as claras à mistura de gemas. Adicione as frutas e misture mais um pouco, eu usei as ameixas sem caroço mas com a pele, partidas aos pedacinhos

Distribua o recheio sobre a massa de tarte

e leve ao forno pré-aquecido a 190C. por 40 minutos ou até que a massa da torta e a cobertura do recheio estejam douradas.

Ficou uma delicia

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Pizzas

Mais umas pizzas na Maquina de Fazer Pão, já que adoramos a massa na primeira vez que fizemos.


A receita da massa que vem no livro da máquina

300ml de água
3/4 de colher de cha de sal
2 colheres de sopa de azeite
450 gr de farinha tipo 55
2 colheres de chá de açúcar
1 pacote de fermento em pó.
Extra
2 colheres de sopa de mozzarela ralado.
Para o recheio:
Polpa de tomate com alho e cebola q.b.
Chourição
Fiambre
Cogumelos
Mozzarela ralado
Oregãos

Escolher o programa massas e no fim de terminar, retirar a massa e deixar repousar durante mais 10 min. tempo suficiente para preparar o recheio.



Neste caso os recheios foram os mais simples e os que mais gostamos cá em casa.


Depois de esticar a massa na forma, barrar a base com molho de tomate da compal com cebola e alho.
As variantes foram:
Chourição, cogumelos e mozzarela

Fiambre, cogumelos e mozzarela

Chourição, fiambre, cogumelos e mozzarela.

Para completar em cima de todas um fio de azeite e oregãos em folhinhas.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Bolo de laranja e cenoura

Quando vi este bolo no blog da Vânia, achei que juntar laranja á cenoura devia resultar muito bem, fiquei de olho nele, experimentei e ficou aprovadissimo.
Eu já costumava fazer um bolo de cenoura do qual gostamos muito e que já está por aqui e como os meus sobrinhos quando eram pequenos adoravam resolvi experimentar para ver se o meu menino gostava e adorou.

Esta receitinha retirei integral do blog da Vânia, aceitei a ajuda do meu novo ajudante e lá fomos para a cozinha


3 cenouras médias raladas
4 ovos
1 chávena de sumo de laranja natural
3 chávenas de farinha
1 chávena de açúcar
1/2 chávena de óleo
Raspa de 1 laranja
1 colher (chá) de fermento em pó


Pré-aqueça o forno a 220ºC.

Bata muito bem os ovos com o açúcar.

Junte as cenouras raladas, o sumo de laranja, as raspas e o óleo.

Bata novamente.

Incorpore a farinha, o fermento, mexendo com uma vara de arames até a massa ficar homogénea e sem grumos.

Unte uma forma redonda de chaminé com manteiga e polvilhe com farinha.

Passe a massa para a forma e leve a cozer no forno por 40-50 minutos a 220ºC. o meu cozeu em 35 min.

Verifique a cozedura do bolo com um palito.Deixe amornar e desenforme sobre uma grelha. Sirva ligeiramente morno, ou frio.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Uns dias de relax pela Covilhã

Já que a licença de maternidade veio em tempo de verão e o marido não tem direito a tirar tanto tempo de férias, fui com o meu menino uma semaninha até casa da avó e passamos por lá uns dias bem divertidos.


Aproveitei para dar uma passeata pelo mais novo jardim da cidade, bem moderno, uma obra agradável á vista, mas moderno demais para o meu gosto, muito pouco acolhedor, demasiada pedra e madeira, pouca ou nenhuma relva, poucas árvores para uma cidade tão quente no verão, no inverno penso que o parque será de pouca utilidade devido ao frio!!!


Umas esculturas que recebem os visitantes á entrada




Umas zonas de parque infantil, também modernas


Umas estruturas onde corre água



Uma escadaria de madeira onde aparecem uma espécie de piscinas!!!

Os bancos devem estar ali á espera de algum corajoso que se sente a olhar a paisagem debaixo de 30º ou mais!!

Aproveitámos para dar umas banhocas na nova piscina com ondas, o delirio total para o meu menino, uma piscina muito agradável e muito boa para as crianças por ter uma parte pouco funda muito grande, para eles brincarem á vontade.







E assim se passam uns dias no interior, longe das praias