sábado, 25 de novembro de 2017

Creme de alho francês e abóbora

Já há algum tempo que não deixo nenhuma sugestão de sopa aqui, ainda que é a coisa que mais se repete cá em casa.
Sopa cá em casa é todos os dias, salvo raríssimas excepções, todos adoramos sopa, cremes, mais grossas mais ligeiras, todas sabem bem.

Este creme não é muito a praia dos meus homens, nem o pequeno é muito fã de sopinha passada, muito menos de alho francês, mas eu gosto muito e temos que variar.


3 batatas médias
1 cenoura grande
1 alho francês grande
Abóbora em cubos
Sal
Azeite

Preparação:
Meter todos os ingredientes partidos de modo grosseiro no copo do robot de cozinha.
 O alho francês é só a parte branca, ou no máximo a verde clarinha... :)

Dar uns toques de turbo, adicionar o sal a gosto, tapar com água e programar 30 min. temp.120º vel.12.
Triturar progressivamente durante 1 min vel.3/5/7 e acrescentar o fio de azeite e programar mais 4 min. 100º vel 2.
A abóbora meti quantidade suficiente para chegar quase ao limite da capacidade do copo.

Pelo método tradicional é só meter tudo a cozer numa panela normal ou de pressão, com água a tapar os legumes.
Depois de estar tudo cozido triturar com uma varinha mágica e já está simples assim.

sigam-me sigam-me :) »»aqui para mais novidades :)

sábado, 18 de novembro de 2017

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Pão recheado com painho, fiambre e mistura de queijos

Este tipo de pão recheado é uma coisa que fica sempre bem.
É rápido de fazer e até se pode fazer com antecedência e por no forno só na hora de ir para a mesa.
Pode ser recheado com ingredientes a gosto e faz sempre as delicias dos convidados.



1 pão tipo alentejano ou outro assim redondo.
200gr de fiambre
100gr de painho inteiro
1/2 pacote de mistura de 3 queijos ralado.
1/2 pacote de queijo mozzarela ralado
3 colheres de sopa de maionese
1 cebola pequena
1 pitada de gengibre ralado fresco.
1 pitada de salsa picada

Primeiro cortar uma tampa ao pão e retirar o miolo com cuidado para aproveitar e fazer tostinhas.

No meu robot de cozinha piquei primeiro o painho com uns toques de turbo e depois juntei o fiambre e piquei mais uns segundos e retirei para uma taça.
Juntei aqui a cebola picada miudinha, mas à mão, para não ficar espapaçada

Juntei a maionese e envolvi muito bem, temperei com o gengibre e envolvi os queijos, que no total somam 200gr.


Enchi com este recheio o pão e por cima polvilhei mais algum queijo.


Levei ao forno até derreter o queijo e tostar um pouco o pão, costumo meter tapado com a tampa e só a retiro quase no fim.
Deve-se servir morno, para ter o queijo cremoso.
Ter atenção ao meter no forno, porque se este estiver muito quente vai torrar de maistampa do pão, que foi o que me aconteceu a mim.


Fica uma entrada ou petisco deliciosa, neste usei cebola que nunca tinha posto e fez a diferença, fica muito bom.

Com o pão que retirei fiz fatias que depois torrei muito ligeiramente na torradeira para comer com o recheio, gosto mais do que com tostas de compra, não sou muito apreciadora dessas tostas.


Fotografias da obra acabada não houve porque quando faço este pão, deixo preparado de véspera ou de manhã e na hora de ir para a mesa é que vai para o forno, por isso sai direitinho do forno para a mesa....

E a minha página de facebook já seguem? sigam aqui»»»»» porque por lá há sempre mais qualquer coisinha :)

domingo, 12 de novembro de 2017

Grutas de Betharram viagem ao centro da terra de barco e comboio

As Grutas de Bétharram são uma serie de grutas, situadas na fronteira dos departamentos dos Pirenéus atlânticos e dos altos Pirenéus e também na fronteira das regiões de Aquitânia y Médios Pirenéus no sul da França.



Foi mais um ponto de visita na nossa road trip pela França de Setembro.
Ficam a 15km de Lourdes e a 25 da cidade de Pau, por isso fomos de tarde depois de visitar Lourdes.

A entrada faz-se na região dos Pirenéus atlânticos nesta casinha à qual somos transportados por um autocarro, porque o carro fica 2km mais abaixo num parque de estacionamento.


sábado, 11 de novembro de 2017

Azeite picante

Quem gosta de picantes, piri-piris e afins? cá em casa ninguém :)

Mas de vez em quando há comidas que pedem um bocadinho mais de tempero, uma pitadinha de picante até fica bem e para essas eu uso um azeite picante.

Hoje deixo então esta sugestão, um azeite temperado/picante, para quem não é apreciador, mas que de vez em quando até usa.


terça-feira, 7 de novembro de 2017

Guisado de legumes à moda do ratatui

Estes guisados de legumes ficam sempre bem em qualquer época, ainda que são mais típicos no verão, mas como este ano o verão parece que não tem fim, há alguns dias fiz esta mistura à moda do ratatui :) cá em casa somos fãs, excepto o pequeno que não aprecia nada com muito molho e cebolas à vista.

Cá em casa é um acompanhamento bom para quase tudo e até com ovos escalfados ou uns lombinhos de pescada cozidos a vapor em cima fica bem.


domingo, 5 de novembro de 2017

Lourdes na rota dos Santuários Marianos

Mais um bocadinho da minha viagem o sul de França, região de Aquitânia, neste caso à região dos Altos Pirenéus e à cidade de Lourdes.



sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Alterações no layout do blog e um agradecimento

Se há coisas que eu gosto é de encontrar pessoas que me fazem acreditar que vale a pena, que o mundo não é só feito de coisas menos boas e com o blog tenho encontrado algumas pessoas assim, que sem nos conhecerem se disponibilizam a ajudar.

Hoje venho agradecer à Joana Isabel a menina do blog Cor sem fim, pelo trabalho que fez no meu blog e pela paciência para me ajudar a melhorar, com sugestões e dicas para eu conseguir fazer algumas coisas.


Havia algumas alterações que eu gostava de fazer, mas sozinha não consegui, a solução foi a Joana, uma menina muito simpática e profissional.

Ainda não está acabado, tenho ainda uns pormenores a acertar, mas como as alterações já estão à vista, quis agradecer publicamente.

Podem ver o Portefólio dela »» aqui, é licenciada em Design e animação multimédia, está envolvida em alguns projectos interessantes incluído um curso de design on-line dirigido a bloggers e empreendedores. Um projecto ACMA a cultura mora aqui, onde em conjunto com outras bloggers pretendem inundar a blogosfera de cultura, quem quiser pode juntar-se, desde que tenha algo a partilhar.

Quem estiver interessado em algum trabalho dela ou nos cursos, para por si próprio conseguir melhorar o seu blog ou página, pode entrar em contacto com ela pelo e-mail corsemfim@gmail.com 

Obrigada Joana :) 

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Arroz de marisco Pescanova

Esta embalagem de mistura de marisco para arroz da pescanova para mim foi uma surpresa, porque para além da mistura de marisco tem um saco com molho, diz no pacote, mas eu sou pouco observadora para rótulos e não vi.

Como nunca tinha visto, segui as instruções que vêm no pacote e introduzi algumas alterações ao meu gosto.
O arroz como não dizia que tipo usar, eu usei o carolino bom sucesso, porque nunca me deixa ficar mal.