domingo, 30 de janeiro de 2011

Sopas e companhia

Cá em casa sempre se comeu muita sopa, agora com o menino há sopa a todas as refeições e nem consigo imaginar como há casas onde não se faz sopa, cá em casa comemos muito não só porque faz bem, mas porque gostamos mesmo.



Esta sopa não é das mais habituais cá em casa e talvez não seja das mais saudáveis, porque utiliza água de cozer carnes, mas de vez em quando sabe bem e eu faço ainda que seja uma luta cá em casa com o marido com este tipo de aproveitamento, ele detesta sopas de carne, seja canja seja outra qualquer, não pelo sabor, mas por achar que a água fica com muita gordura animal e faz mal á saúde.

Esta fiz aproveitando parte da água de cozer carne de porco e enchidos.

A sopa fiz com os ingredientes da prache,
 um pouco de feijão,
uma batata e uma cabeça de nabo,
uma cenoura e uma cebola
Couve da mais escura, tipo caldo verde
e no fim adicionei uns pedacinhos de carne e enchidos
e a massinha que fica sempre bem nestas sopas mais tradicionais.
Ficou uma sopinha super saborosa.

As mais habituais cá em casa são sempre muito parecidas na base, o que varia é o legume decorativo.
De agrião com grão ou sem, de feijão verde ou seco, com couve ou sem ela, tudo serve.

 E quando não há legumes muito viçosos, ou os mais usuais até com alface e beldroegas serve, ou então um cremezinho, seja do que for, o que interessa é comer uma sopinha quentinha e cheia de vitaminas e outras coisas que tal.

3 comentários:

  1. Estas sopinhas são bem Portuguesas, adoro-as ♥

    ResponderEliminar
  2. uma sopinha como gosto !
    e com este frio sabe tão bem!

    bjkas e boa semana

    ResponderEliminar
  3. A sopa é o prato oficial do tempo frio aqui em casa... pode faltar carne mas sopa há sempre :)

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)