segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Bolo bola de futebol um desastre culinário

Este bolo fez-me lembrar um pouco do tempo em que eu pintava, uma tela em branco era sempre um grande desafio e depois de começar era sempre um desanimo e uma grande vontade de raspar tudo e voltar ao inicio e algumas vezes o fiz, mas nas que consegui seguir até ao fim, quase sempre gostei do resultado final, até porque uma grande vantagem da pintura a óleo é que podemos sempre raspar e voltar a pintar em cima, ou retocar com mais tinta e mais textura até conseguir algo que nos deixe satisfeita e com vontade de mostrar aos outros.

Com este bolo foi mais ou menos o mesmo, uma grande vontade de experimentar e começar e a meio uma grande vontade de raspar tudo ou deitar tudo fora :-))

Mas como sou persistente aguentei-me até á meia noite e meia e no dia seguinte lá estava eu outra vez de armas e bagagens para retocar a pintura, o que uma mãe não faz pelo seu filhinho...pois ele queria um bolo de menino, nem era a bola, mas um bolo de menino, não tinha muitas alternativas e esta foi a que me agradou mais tentar, porque um campo de futebol ou uma pista de carrinhos não me apetecia.

Uma bola de futebol com as cores do clube dele ainda que não seja o meu.

O interior foi metade deste bolo de água e deste bolinho de iogurte com chocolate o recheio foi o que usei nestes profiteroles os bolos que ele gosta mais, simples e com recheio tipo leite creme que é o doce que ele mais adora.

O problema não foi o interior que até é bem simples, rápido e eficiente, o problema foi a cobertura.

Primeiro a saga de cortar hexágonos perfeitos, repescando na geometria já esquecida, lá consegui resolver a questão, porque imprimir um desenho da net não resultou, os lados não saiam iguais e aquilo não encaixava.

Resolvido este problema matemático havia que trabalhar, esticar e colar a massa e em cima de bolo e cobertura ainda meio quente também não resultou tarefa fácil, a pressa de ver a coisa acabada foi inimiga da perfeição. 
Quando dei conta já pingava e escorregava azul por todo lado. 

Pelo que desisti a meio e meti o bolinho no frigorífico na esperança que aquilo frio solidificasse e me ajudasse a levar a tarefa a bom porto e no dia seguinte de manhã lá estava eu de volta aos hexágonos, chuteiras, cachecóis e uns remates finais para lhe dar um ar mais de obra acabada, tal qual na pintura, agora com o dono do bolo em volta a dar palpites.... uma verdadeira saga, mas que assim a frio se resolvia melhor.


Resumindo e baralhando o bolinho resultou numa bola que mais parecia uma bola velha e com alguma falta de ar mas que até fez boa figura, como dizem os homens cá da casa eu sou artista, e assim a coisa já compensa.

E ainda que hoje quem faz anos sou eu, este bolinho foi para o aniversário do meu menino há uma semana atrás.
Ah! o sabor da pasta não a minha paixão, pelo que não será uma coisa a repetir muitas vezes, mas, mais algumas até me sair um bem ao meu gosto, isso é concerteza :-))

11 comentários:

  1. Olá Alcina!
    Desde já os meus sinceros Parabéns para ti!

    Em relação ao bolo, conseguiste mesmo dar a volta a todas as questões e desafios que foram aparecendo e ficou um bolo muito bonito.

    Eu também bão sou muito apreciadora do sabor da massa, mas que os bolos ficam bonitos, lá isso ficam.

    Muitos Parabéns e um dia Muito Feliz. Bjs

    ResponderEliminar
  2. o sabor é o mais importante e aquelas palavras milagosas de uma criança a dizer que está lindo não achas ;)
    eu acho que para a primeira tentativa não esta mal.
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Lili, pois realmente as palavras de animo valem mais que tudo :-) vamos ver nas próximas :-)

      Eliminar
  3. Olá boa tarde,
    Dou-lhe os parabéns por todo o esforço que fez e que resultou muito bem. Com o calor que tem estado essa massa não fácil de trabalhar. Deixo lhe um enorme beijo de parabéns e muitas felicidades.
    Bjs e boa semana.

    ResponderEliminar
  4. Parabens a dobrar: uma vez pelo teu aniversário e outra por teres feito esse bolinho com optimo aspecto!! e delicioso com certeza!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado :-)) o bolinho ficou todo com o sabor da pasta hehe

      Eliminar
  5. Desafio superado!
    Não é fácil fazer bolas de futebol!!!!
    Parabéns pelo teu aniversário e muitas felicidades para toda a família.
    Bjokas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela visita e coment :-) fui lá ao seu blog e não consegui comentar?! mas gostei muito da dica para desenformar o cheesecake, aliás já tinha perguntado aqui no meu uma sugestão porque os meus ficam sempre com a lata por baixo :-))

      Eliminar
  6. Olá Alcina,

    Desde já os meus parabéns atrasados, tanto a si como ao seu menino, são ambos também do meu mês ! Setembro é um mês fantástico não acha ? ;-)

    está também de parabéns pelo esforço, pela dedicação, pelas horas gastas a dar o seu melhor, pelo amor incondicional que só uma mãe tem pelo seu filho, pelo prazer que se tem em ver no final o riso de felicidade numa carinha laroca !

    O bolo ficou lindo, fantástico, qualquer profissional de pastelaria aplaudiria decerto !


    Beijinhos

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)