terça-feira, 3 de novembro de 2015

Bolo de queijo com cobertura de caramelo

Trabalhar num hospital oncológico tem um quê de deprimente, o contacto diário com doenças graves e com a morte faz-nos pensar e viver muito esse assunto, é impossível alguém abstrair-se disso.

Todos os dias vemos os diagnósticos,  as idades e as caras dos doentes, conversamos com eles.... mas também nos faz ver a vida de outra maneira, cada dia é importante e não vale a pena perder tempo com coisas menores... esta é uma teoria que todo mundo tem, ou pensa que tem.... porque na realidade as pessoas pensam efectivamente é que estas coisas só acontecem aos outros....

E porquê esta conversa num blog de coisas boas?.. é que no meio de tanta coisa má há coisas boas também, uma delas é o contacto com pessoas com uma força e energia positiva que são um exemplo a seguir, principalmente pelos fracos que só se lamentam por quase nada....

Foi o caso de uma senhora que conheci por acaso no hospital e que chegámos á conclusão ter ligações á minha família, convidou-me a ir a casa dela lanchar um dia entre internamentos, só porque a acompanhei e visitei enquanto isso foi possível.

Se me custava ir vê-la, sempre me arrependia, porque vinha de ao pé dela sempre bem disposta e chorava a rir com ela, pois conseguia encontrar humor em tudo em volta dela.

Para o lanche fez um bolinho delicioso e a receita veio comigo, não tive tempo de lhe retribuir o lanche porque a doença foi mais forte que ela.

Mas deixo a receita como memória, porque a época me lembrou disto.

9 ovos
400 gr de açúcar
300 gr de farinha
2 queijos frescos (200gr)
Raspa de1 limão ou laranja
1 colher de chá de fermento

Separar as claras das gemas e bater em castelo e reservar.

Bater as gemas com o açúcar até dobrar o volume e juntar os queijos esmagados com um garfo e a raspa de laranja e bater bem.

Por ultimo envolver a farinha misturada com o fermento alternando com as claras.

Levar a cozer em forno pré aquecido a 200º em tabuleiro ou forma de buraco, ela fez em forma de buraco, eu fiz em tabuleiro, coze mais rápido e como era para aniversário queria fazer uma cobertura, para lhe dar um ar mais festivo. A cobertura não fazia parte da receita, fui eu que fui buscar uma que já tenho por aqui no blog e que é deliciosa, verdadeiro caramelo (rebuçado) não caramelo de açúcar.


Creme de caramelo
1 lata de leite condesado cozido
1 lata de leite condensado
1 colher de manteiga
1 pacote de natas
1 colher de maizena

Misturar os ingredientes todos excepto o leite condensado cozido e levar ao lume a engrossar.
Retirar e juntar o leite condensado cozido e levar mais um minuto até ter a consistência desejada, não deixar ficar duro ou fica pegajoso e agarra-se á faca ao cortar o bolo.

4 comentários:

  1. Olá Alcina!!
    De cada pessoa que conhecemos, levamos um pouco dela conosco e deixamos um pouco de nós com elas, não é verdade? Esse é o grande aprendizado da vida!
    Parece um bolo realmente delicioso, obrigada por compartilhar com a gente!
    Beijos mil e ótima semana pra ti! =)
    www.deliciasdavodeo.com.br

    ResponderEliminar
  2. É por isso que tenho a certeza que eu não seria capaz de trabalhar num hospital, muito menos na ala dos idosos ou dos doentes oncologicos. Porque não consigo deixar de me emocionar com a dor e o sofrimentos dos outros. Toca-me profundamente. Uma tia minha morreu de cancro, fui eu e a minha mae quem cuidou dela. Conheço de perto todo o sofrimento por parte de quem passa pela doença e por parte de quem cuida. Essa minha tia gostava muito de um bolinho caseiro, gostava de ter sempre bolo para as visitas. Obrigada por teres partilhado essa receita. Vou fazer esta semana. Um beijinho

    ResponderEliminar
  3. Uma óptima homenagem á memória de alguém, parece um bolo delicioso :)
    Convido-te a fazer-me uma visita em Gulosoqb

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)