quinta-feira, 18 de junho de 2009

Quiche de frango

Esta é mais uma das minhas invenções na arte das quiches e de aproveitamento de restos.

Como tinha sobrado muito frango estufado com ervilhas de cavaca(ou tortas), resolvi desfiar o frango, retirar os ossos para fazer uma quiche.

A base tinha decidido que seria uma de massa quebrada, que veio para casa por engano e que andava já há montes de tempo no congelador, mas quando fui descongelar ela quebrou-se mesmo toda em pedacinhos, já estava eu para a enviar directa para o lixo e fazer a quiche sem base, quando o marido se lembrou de meter aqueles estilhaços bem arrumadinhos só no fundo e assim foi.

Untei a forma de tarte com manteiga, para não haver acidentes e fiz um puzzele com os estilhaços da massa e por cima meti o frango desfiado e as ervilhas.

Como estamos em tempo de cougetes lá na quinta, cortei metade de uma pequena em quartos finos e meti por cima do frango.

Por ultimo a base milagrosa que serve para todas as quiches cá em casa

4 ovos
200 ml de natas
1 colher de sopa de farinha
100 ml de leite

Tudo bem batido e por fim é só polvilhar com queijo ralado a gosto e vai para o forno a 230º durante 30 min, mais ou menos.

Ficou bem saborosa, suculenta e a massa ficou bem assim mesmo.


3 comentários:

  1. Depois de ficar uma "expert" em Bola de carne, desta vez vou experimentar a quiche. Cá em casa é um petisco e, de facto, é uma maneira óptima para aproveitamentos das sobras.
    Um beijinho do Alentejo

    Romicas

    ResponderEliminar
  2. Que bela quiche!
    Eu também gosto de as fazer para aproveitar restos, pois parece uma refeição completamente nova.
    Bjs
    Moira

    ResponderEliminar
  3. que bela quiche sim senhor. nada se estraga tudo se aproveita.
    beijocas

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)