sábado, 15 de dezembro de 2012

Chanfana

Chanfana porque sim...

Cá em casa não tenho grandes admiradores deste prato tão típico português, o pequeno não gosta porque não, o grande não gosta pelo cheiro...... mas enfim um dia destes vi carne de cabra á venda e decidi comprar para experimentar, sou teimosa e gosto de experimentar tudo...

A experiência não correu pelo melhor, porque para além de não ter um caçoilo de barro próprio para fazer, o pirex que eu pensava ser grande suficiente para a fazer, também não deu, por isso meti mesmo num tabuleiro de barro e foi por isso que a coisa não correu bem, porque não consegui ter a carne toda submersa em vinho, sem fazer asneiras no forno.

Mas vou comprar o dito caçoilo para repetir, porque os menos fãs desta carne até aprovaram, com o devido senão que foi a carne não estar suficientemente tenra, mas de sabor estava óptima e até porque se pode sempre fazer chanfana de outras carnes, de galo por ex.

Esta chanfana é típica daqui da zona de Coimbra  feita normalmente em forno de lenha e cozida em caçoilos fundos de preferência de barro preto.

2 kg de carne de cabra
1 cabeça de alho
Colorau
Folhas e pauzinhos de louro
Sal
Pimenta e ou piripiri para quem gostar
Azeite e ou banha de porco como vi em muitas receitas, eu usei azeite.
Vinho tinto de BOA qualidade q.b. (até tapar a carne)

Parte-se a carne em pedaços mete-se no caçoilo de barro e tempera-se a gosto com todos os ingredientes indicados. Os dentes de alho podem-se esmagar mesmo com a casca e picar alguns. 

Tapa-se a carne com o vinho e deixa-se assim a marinar de um dia para o outro.

Quem tem forno de lenha, normalmente deixa a cozer no forno de um dia para o outro, ou seja, toda a noite no forno e a carne fica super tenrinha, a desfazer-se como se de frango de aviário se tratasse. No meu caso deixei no forno por 3 horas e não ficou assim, mas penso que também foi pelo recipiente não ser próprio.
Ao longo da cozedura pode-se ir juntando vinho para que a carne se mantenha tapada.

Com batata cozida e grelos é o típico, eu juntei uns legumes salteados.

O sabor ficou muito bom, sem aquele sabor típico da carne de cabra que muitas pessoas não apreciam.

7 comentários:

  1. O único problema desse prato é o tempo que demora...de resto é perfeito!
    beijinhos e bom fim de semana,
    Addicted
    http://cookaddiction.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é 3 horas no forno e não estar no ponto é chato...

      Eliminar
  2. Eu cresci a ver fazer chanfana. Os meus avós paternos eram da zona de Condeixa, de um aldeia ali perto, de Vila Seca e de Bruscos. A chanfana tem que ser realmente bem feita, mas se assim for é um petisco. Comi no ano passado feita com todos os preceitos. Foi uma aluna do meu pai, que tem um restaurante em Miranda do Corvo (penso eu)é que um dia em conversa com o meu pai, ele lhe disse que gostava muito de chanfanae ela na semana seguinte trouxe-lhe uma caçoila com chanfana ainda quentinha. Ligou-me quando vinha para a Figueira a dizer que trazia a dita chanfana e se eu queria um bocadinho. estava maravilhosa. Não como desde então! Fiquei com água na boca quando vi a tua, mas não me tento a fazê-la. Parabéns pela tua.
    Bjs
    Ana

    ResponderEliminar
  3. Eu nem sabia, mas pelo que li na Wikipédia a origem tirando a parte das invasões francesas foi mesmo em Semide, bem perto de Condeixa e Miranda do corvo. Pois é quando é bem feita e principalmente em forno de lenha é uma delicia :-) bjs e obrigado pela visita :-)

    ResponderEliminar
  4. Alcina,

    Adoro chanfana ate ja pensei em comprar um pote de ferro para a fazer na lenha. A tua receita e deliciosa e tenho a certeza que para a proxima ira correr bem melhor.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Olá Alcina
    Passei para desejar a você e a tua família um Natal cheio de muitas bençãos.
    Abraços fraternos
    Léia

    ResponderEliminar
  6. Alcina, nem sequer ouvir falar nesse nome. Mas é sempre bom aprender.
    Que 2013 seja de um saldo bem positivo em sua vida!!
    Bjs.

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)