domingo, 3 de fevereiro de 2013

Peixe gato ou panga comer ou não eis a questão...

Muito se lê em e-mails e na net sobre este peixe, que vem das águas poluídas do Vietname, de rios cheios de metais pesados e de outros resíduos tóxicos.....e por aí.

Eu á primeira não costumo acreditar nesses e-mails que circulam e que ninguém assina, nem ninguém conhece a proveniência, dou sempre o beneficio da dúvida e tento procurar mais alguma informação.

Sobre o peixe gato ou panga entre outros artigos encontrei este artigo da deco e este numa página médicos de portugal e pelo que percebi, não têm nada de prejudicial para a saúde, pode é não ter propriedades tão boas como outros peixes, mas isso é comum a tudo o que comemos, há coisas melhores e outras piores.
O que me parece desses artigos que circulam pela net é que será uma guerra contra o preço do peixe e não da sua qualidade, tal como tudo que vem do oriente chega cá a um preço sem qualquer tipo de concorrência.

Por principio e como já li algures faz-me impressão comer bananas da Colômbia, peixe do Vietname camarão de Madagáscar e por aí, tudo coisas que já viajaram mais do que eu, não gosto... por isso tento comprar produtos portugueses se houver e de vez em quando compro estes viajantes...


Filetes no forno com broa.

Filetes de peixe gato
Cebola
Alho
Azeite
Broa de milho ralada com alho


Fazer uma cebolada com a cebola, alho e azeite, eu fiz na Mycook.

Dispor no fundo de um pirex e por cima colocar os filetes temperados com alguma antecedência com sal e limão.

Cobrir com a broa ralada com alho na Mycook e regar com mais azeite.

Levar ao forno até cozer o peixe e dourar a broa, no meu forno a 200º ficou pronto em 20min.

O acompanhamento é a gosto, cá em casa foi com arroz de tomate e grelos cozidos, porque o peixe era para ser frito, mas á ultima hora houve inversão de marcha.

7 comentários:

  1. Ainda bem que abordaste este tema, pois antes comprava esse peixe desde que começaram a circular esses emails deixem de comprar, ainda bem que encontraste esses artigos :P Quanto aos filetes ficaram uma delicia, adorei!

    Beijinhos,
    Joana

    ResponderEliminar
  2. Por acaso não é um peixe muito habitual cá em casa, mas até apreciamos de vez em quando ;) Essa parece-me uma forma bem apetitosa de fazer os lombinhos :D

    Beijinhos e um resto de bom Domingo! :D

    ResponderEliminar
  3. A maioria dos produtos que compramos nos supermercados são realmente "muito viajados".E todos também sabemos que na China,Vietname, Cambodja, etc, os rios são super poluídos.Por aquelas bandas eles comem tudo e nada lhes faz mal. Estão absolutamente imunizados contra tudo e contra todos.Sempre viveram naquele ambiente e pouco há a fazer.A população também é em quantidade absolutamente grande, e sendo assim não se podem dar ao luxo de serem selectivos nas escolhas que fazem. Em muitos rios as suas casas são os seus barcos. Todos os dejectos vão para a água. Por isso os peixes abundam em quantidade. Quanto à qualidade....nem quero falar disso...
    Mas se pensarmos bem tambám não comemos nenhum peixe pois a maioria dos que vemos à venda são de aquicultura e criados em tempo reduzido apresentam um tamanho considerável. Também não são alimentados só de peixes como sabemos.
    E também os comemos e mais vezes que devíamos.
    Quanto ao peixe gato- pangasio-: confesso que apenas o comprei uma vez e houve mais que muitas reclamações: que não tinha sabor, que era muito mole... que peixe era aquele com uma textura tão esquisita?
    Passado algum tempo começaram a aparecer artigos sobre ele e foi então que pensei que se as notícias vinham a lume por algo seria.
    Na verdade ,até os mariscos vindos dessa zona não têm qualidade nem sabor.
    Há muitos anos POrtugal tinha uma boa frota pesqueira. O nosso pescado era de boa qualidade. Mas com o "lindo" acordo das pescas que fizemos, não podemos pescar nas nossas águas territoriais. E depois deixam os ESpanhóis e Marroquinos pescar nelas. DEpois...ao fim de uns dias vendem-nos o peixe.
    Mas....pelas notícias vindas a lume nos últimos dias- insistentemente- parece-me que vamos implementar uma agricultura em grande... Cá ficamos à espera da TV Rural.... lol lol
    beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga turbolenta, pois tudo que diz pode ser verdade, mas no fundo se pensarmos bem em que mar ou rio os peixes vem livres de poluição, mercurios e por aí...para não falar desses de aquacultura, é tudo verdade, por isso cá em casa tento comer de tudo um pouco, sem exagerar em nada, não comer repetidamente o mesmo, nem as mesmas marcas...quanto á textura do peixe também é verdade que é muito mole, mas nós gostamos, e se temperar-mos com antecedência até fica saboroso.
      bjs

      Eliminar
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  5. Alcina, também já li este e-mail falando do tal peixe. Não sei se acredito ou não, mas o fato é que quase todos os peixes saborosos estão sendo pescados em demasia, e correm o risco de extinção. Então, entre comer um peixe criado em aquicultura, ou um peixe selvagem de pesca clandestina, não estamos nada bem!
    Também procuro variar os peixes, as carnes e os legumes para ter a consciência mais tranquila.
    Beijo

    ResponderEliminar
  6. O Peixe Panga é mesmo muito salgado já dele próprio!
    Há alguma forma de harmonizar este sabor salgado dele. Aqui em casa aprecia-se bastante... E temos insistido apesar do sabor salgado..

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)