quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Paula de Isabel Allende

Ano novo e mudanças estão muitas vezes associados, por aqui no blog estou empenhada em trazer algumas modificações, 

Ser mais activa é um plano.

Trazer algo de viagens e passeio ao domingo é outro plano.

Para a quarta feira escolhi os livros, ultimamente tenho lido menos, mas tenho sempre um livro em aberto em cima da mesinha de cabeceira.

Hoje para começar deixo uma sugestão de uma escritora que gosto muito, uma das minhas preferidas, em determinada altura li tantos seguidos que achei que já sabia mais da vida dela do que ela própria, nessa altura parei, mas gosto muito e de vez em quando volto lá. Tenho um novo dela para ler, ainda que não seja o ultimo Para lá deste inverno fica para a próxima compra



O primeiro que li foi A casa dos espiritos, gostei muito do O Plano infinito e do De amor e de sombra
a politica, a emigração e os espíritos sempre presentes nas obras dela. 

Da série de livros juvenis que escreveu, comprei um para ver como era, gostei bastante e  O bosque dos pigmeus foi um dos livros que agarrou mesmo o meu filho, como nenhum outro, o que é muito significativo para um jovem que "não gosta de ler"

Hoje deixo um dos que gostei mais dela Paula um livro autobiográfico que nos conta a vida da escritora através da história que ela vai contando à filha quando esta se encontra em coma.
A autora conta a história da vida dela à filha na esperança de que esta conserve a memória quando acordar...
É um livro comovente e muito intenso, recomendo.

                                                                                       A capa do meu velhinho

A sinopse é da wook, onde compro agora os meus livros, rápidos na entrega e sempre boas promoções e os pontos não caducam no cartão como noutras livrarias físicas....

SINOPSE
Paula, com um forte cunho autobiográfico, é uma das obras mais intensas de Isabel Allende, que nos faz revisitar o universo mágico dos seus primeiros romances.

Paula, a filha da escritora, adoeceu gravemente, entrando pouco tempo depois em coma. Durante meses no hospital, a autora começou a escrever a história da família para a filha, que permanecia inconsciente. Nesse relato somos levados a conhecer os segredos e recordações mais íntimos do seu passado e do seu país natal, o Chile, ao mesmo tempo que assistimos às sucessivas tentativas de contrariar e, por fim, aceitar a partida iminente de um ente querido. 

Escrita como uma catarse face à irreversível doença, Paula é uma enorme lição de vida, ao mesmo tempo que nos permite conhecer um pouco melhor o mundo fantástico de A casa dos espíritos e Eva Luna e concluir que as suas personagens pertencem, na verdade, ao mundo fantástico de Isabel Allende: a sua realidade encantada.

Espero que gostem das minhas sugestões, como em tudo o resto o que deixo aqui é o que eu gosto mesmo. Se quiserem ver mais sobre os livros que mencionei é só clicar em cima do nome.

Sigam-me na minha página de facebook  aqui««««

5 comentários:

  1. Tb gosto mt de ler tenho tb sempre um livro a noite a ler antes de dormir bjs

    ResponderEliminar
  2. Adoro ler e houve um período em que costumava dizer em modo de brincadeira: "quando há livros, ponho as mãos nos bolsos, para resistir ao impulso de comprar". Agora já estou mais controlada.
    Porque será que passei sempre ao lado de Isabel Allende? Não sei...
    Mas gosto da ideia de quarta feira ser dia de leitura aqui no blog.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Dilene :)
      pois eu também sou assim, mesmo lendo menos agora tenho vicio de comprar livros :) adoro estantes cheias de livros, o meu sonho era ter uma biblioteca de livros em casa, um quarto todo revestido a estantes cheio de livros ahaha
      Pense experimente ler algum livro da Isabel que vai gostar :)
      beijinhos

      Eliminar
  3. Adoro a Isabel Allende❤ A Casa dos Espíritos também foi o primeiro que li e é fantástico. Fiquei viciada e li Eva Luna, O Amante Japonês, Inés da Minha Alma e a trilogia d'As Memórias da Águia e do Jaguar. Agora estou a fazer uma pausa da autora, mas já estou de olho n'A Ilha Debaixo do Mar.

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)