domingo, 11 de março de 2018

Helsínquia breve visita

E enquanto não se fazem novas viagens, vou trazendo as que já fiz, por isso e como é domingo, vamos até Helsínquia 

E começo aqui a novela cruzeiros, começo pelo ultimo que fiz no Báltico a começar em Helsínquia e terminando em Copenhaga.

Viajar em cruzeiro é uma forma de viajar.... muitos detestam e outros adoram, penso que não haverá um meio termo.

Vamos a muitos sítios diferentes? vamos...
                           Vemos tudo ao pormenor? não...
                                     Vivemos a realidade local?não...
              Ficamos com uma ideia do que há para visitar? sim....
            e com vontade de voltar? sim 😍



Comprámos um pacote típico com voo de Madrid para Helsínquia incluído.

Um site bom para comprar este tipo de viagens é o Logitravel👉👉

Até Madrid fomos de carro, para no regresso do cruzeiro ir noutro circuito by car.

Em Madrid ficámos num hotel perto do aeroporto muito bom para deixar o carro sem pagar pelo parque independentemente do número de dias a ficar e se no regresso ficamos mais alguma noite ou não..... e ainda inclui transfer para o aeroporto. 
O hotel em si é básico, mas limpo e bom suficiente para dormir poucas horas, tem um restaurante muito bom.



Chegámos a Helsinkia pela hora de almoço, tempo de ir ao barco fazer o chek in e zarpar à aventura, porque o tempo de escala era só a tarde.

Para melhor organizar uma visita tão curta o melhor é consultar o site


onde podemos ver e comprar com antecedência muitos passeios, cartões e entradas.

O barco estava atracado no porto bem perto do centro, apanhamos um autocarro e fomos até ao centro, descemos na praça do senado para ver a famosa Catedral Luterana, por fora, visto que já estava fechada.

Com o Czar Alexandre II no centro da praça.








Fomos até a Catedral Uspenski, a maior catedral ortodoxa do báltico, aqui pudemos entrar, mas "no foto"




E pelo pouco tempo que tivemos disponível dava apenas para uma pequena volta pelo centro da cidade e foi isso que fizemos, sempre a pé.















Para chegar à igreja escavada na rocha Temppeliaukio Church, uma igreja que tem a particularidade de ter sido construída abaixo do nível do solo, também não pudemos vê-la por dentro, porque já estava fechada.



Depois foi só apanhar outro autocarro para o porto, porque a hora já estava adiantada e chegamos em cima da hora de fecho da porta 19h30 e o barco não espera....


Depois de instalados, toca a explorar o barco, jantar e descansar, porque o dia já tinha sido longo....


Para visitar a cidade deixo algumas dicas, seja para quem vai de cruzeiro, como para quem vai por sua conta.

 No Getyourguide 👈👈encontramos entre outras as seguintes ofertas:

Helsínquia: Hop-On Hop-Off 48 horas Ticket ou para 24 horas

O Helsinki card com transportes grátis e entradas em muitas atracções 

Meio dia de City tour ou Visita com guia privado

Para dormir na cidade existe uma vasta oferta de bons hotéis.
Numa pesquisa rápida no booking encontrei estes 👈


2 comentários:

  1. Que lindas fotos,....
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar

Não passe sem deixar um miminho :)